quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

Carne assada (no tacho)


Esta é uma receita banal, mas vou colocar na mesma, porque há gente que está ainda a aprender a cozinhar, outros que fazem de outra maneira.
eu já cozinho há montes de anos e já assei carne de outras maneiras, mas esta é como obtive melhores resultados.
Costumo assar duas peças de carne, uma de porco e outra de vaca, assam/estufam ao mesmo tempo...desta maneira cada um serve-se da carne da sua preferência, mas podem optar por uma ou por outra, é igual.
Com o que sobrar depois faço sandes, ou empadão(eu gosto de fazer com carne pré cozinhada), croquetes, ou mesmo salteando numa frigideira com margarina, alho, louro e pimenta, ou com uma boa cebolada com tomate.

Ingredientes:

  • 1 pedaço de carne de vaca
  • 1 pedaço de carne de porco(ou apenas uma das carnes)
  • sal
  • pimenta
  • colorau
  • 4 dentes de alho esmagados
  • 1 ou 2 folhas de louro
  • 1 cebola, ou várias cebolinhas
  • 2 ou 3 cravinhos
  • vinho branco, ou vinagre branco diluído em água
  • Salsa
  • piri-piri (facultativo)
  • azeite e/ou margarina(eu normalmente uso azeite, é mais saudável)
Preparação:
Temperar a carne dentro do tacho, com sal, pimenta, colorau, os alhos esmagados, o louro, a cebola inteira com os cravinhos espetados, o piri-piri, o ramo de salsa e o vinho branco...esfrega-se a carne com os temperos e deixa-se ficar a marinar com o tacho tapado, umas horas, virando a carne pelo menos uma vez a meio do tempo.
regar com o azeite e colocar ao lume a assar....até aqui é tudo igual, a ciência começa aqui...eu costumo colocar o tacho ao lume, tapado, num bico de fogão tamanho médio, com a chama alta, no inicio só com a marinada, coisa de uns 20 minutos, depois viro a carne e jogo um copo de água, deixo cozinhar mais 20 minutos e viro a carne e jogo outro copo de água...se na altura que for juntar água, o tacho ainda tiver bastante molho, deixo mais 5 ou 10 minutos até apurar o molho, antes de juntar mais água...o importante é que a carne vá fritando nesse molho, mas sem queimar...vou fazendo sempre isso (juntando água e virando a carne de x em x minutos, marco o tempo no relógio do forno)cerca de duas horas, ou até a se espetar o garfo na carne e ela estiver macia.

Fatiar a carne de preferência com uma faca eléctrica.
Acompanhar como desejarem: arroz, batatas fritas, puré de batata, etc...

Cuidado, porque os fogões são diferentes, no meu é de 20 em 20 minutos, mas no vosso, pode ser tempo demais ou de menos...a primeira vez têm de ir controlando com mais atenção.

Depois posto a minha receita de empadão(eu asso sempre carne a mais, já com intenção de fazer empadão), é completamente diferente das que vejo por aí.

7 comentários:

Patrícia Gimenez disse...

mas que maravilha um blog com receitas portuguesas,vou passar sempre por aki!

BocaDoce disse...

Ainda bem que gostou.
volte sempre.

BocaDoce disse...

Se tiver problemas com algum ingrediente, pode perguntar que sei +/- como se chama aí no brasil.

Anónimo disse...

Ontem experimentei esta sua receita e ficou . . . . DIVINAL

Mto obrigada pela receita
Milu

Ana disse...

Um excelente receita!
Cumprimentos
Ana

Gabriela disse...

Passei pelo seu blog e encontrei esta receita que parece ser gostosa. Hoje vai ser o jantar e depois dir-lhe-ei se a familia gostou.

Obrigada
Gabriela

Gabriela disse...

Volto a repetir a receita pela 3ª vez. Aprovadissima.
Obrigada
Gabriela